Chuva de granizo atinge Comunidades da Paróquia de Pato Branco

A chuva de granizo que caiu em várias regiões do Paraná e de Santa Catarina na última semana atingiu também as imediações de algumas de nossas Comunidades na Paróquia de Pato Branco. O Pastor Mário, o PPHM Marcelo e o Sr. Bruno Beck (Secretário da Diretoria Paroquial) foram visitar as Comunidades atingidas e se depararam com tristes imagens.


A chuva de granizo atravessou diversas cidades da nossa área de abrangência e atuação. Mas, de modo particular, afetou a cidade do Verê, onde se encontram as Comunidades de Águas do Verê, Presidente Kennedy e a Casa de Retiro do Núcleo Sudoeste.

Na Comunidade de Águas do Verê, além de danos no telhado, destruíram-se bíblias e cancioneiros. Os membros, por residirem perto do templo, conseguiram recuperar muitos dos itens que poderiam ser danificados.

Na Casa de Retiros, praticamente todo o telhado terá que ser trocado. Após uma acurada observação, percebemos que o telhado dos dormitórios, da cozinha, refeitório e do salão de eventos está praticamente todo danificado. Alguns colchões foram encharcados, mas a zeladora conseguiu rapidamente proteger estes e demais itens.

A Comunidade de Presidente Kennedy, a nosso ver, foi a que mais sofreu com a queda de granizo. O telhado do templo foi praticamente todo danificado. As vidraças das janelas se destruíram por completo, o forro do teto (em madeira) está muito irregular, praticamente todas as bíblias e cancioneiros foram molhados e muito pouco poderá ser recuperado. No pavilhão da Comunidade é mais fácil contabilizar as telhas que estão sem furos, do que as que estão danificadas.

Aqui relatamos os danos e prejuízos causados nas dependências dos templos e outros locais próprios das nossas comunidades. Entretanto, em todos os lugares pelos quais passamos sempre víamos pessoas em cima dos telhados, colocando lonas ou consertando o telhado. Muitas propriedades que estão com trigo em pleno tempo de colheita vão ter dificuldade para realiza-la. Várias famílias perderam diversos bens domésticos, devido à queda de granizo.


Como Igreja Luterana, nos unimos em oração pedindo pela bênção e proteção do nosso bondoso Deus. Clamamos, “tem, Senhor, piedade” e rogamos que mãos caridosas se coloquem a serviço para ajudar as pessoas afligidas. Intercedemos a Deus para que as Comunidades se unam cada vez mais na luta pelo bem comum, na reestruturação da vida em comunidade e na busca por uma convivência fraterna, solidária e inspirada no testemunho do Evangelho.



Nenhum comentário:

Postar um comentário