Paróquia


           A Paróquia de Pato Branco, filiada à IECLB, integra o Sínodo Rio Paraná e está localizada na região sudoeste do Paraná. Atualmente ela é composta por oito (8) Comunidades (Pato Branco, Bugre Alto, Águas do Verê, Presidente Kennedy, Nova Concórdia, Francisco Beltrão, Marmeleiro e Linha Itaíba) e um (1) Ponto de Pregação (Chopinzinho).

          A história da Paróquia de Pato Branco começou em 1948 com uma iniciativa missionária da Paróquia de Rio das Antas–SC. O primeiro Estatuto da Paróquia foi aprovado e assinado no dia 24 de maio de 1948. Os atendimentos pastorais foram realizados até 1954 pelo P. Ballbach, que se deslocava de Rio das Antas para Pato Branco e região.
          A partir do dia 24 de março de 1954 a Paróquia de Pato Branco passou a ser atendida pelo P. Hartnagel, que veio da Alemanha. Estavam integradas à Paróquia as comunidades de Pato Branco, Coronel Vivida, São João, Dois Irmãos, Águas do Verê e Ipiranga. A comunidade de Bugre Alto surge e passa a integrar a Paróquia em 1956.
          Em 1957 o P. Hartnagel resolve retornar a Alemanha, deixando a Paróquia sem atendimento pastoral, provocando a extinção da mesma.
Entre 1958 a 1961 as comunidades foram atendidas num intervalo que variava de 90 a 120 dias pelos pastores Blum, Balbach e Webber.
          A partir de 1962, com o surgimento da Paróquia de São João, as comunidades remanescentes passam a receber atendimento pastoral regularmente.
Em 1979 é criado o Segundo Pastorado da Paróquia de São João com sede em Pato Branco, abrangendo as Comunidades que integravam a antiga Paróquia de Pato Branco, e outras que se formaram no mesmo período. Finalmente, em 08 de Janeiro de 1984, surge a atual Paróquia Evangélica de Confissão Luterana em Pato Branco (totalizando 290 famílias, aproximadamente 856 membros batizados).

Ministros que atuaram na atual Paróquia:
1.   P. Orlando Schmidt – 1979-1984
2.   P. Ivo Schoenher – 1984-1990
3.   P. Luiz H. Bollmann – 1990-1994
4.   P. Walter Marschner e Pa. Graciela – 1994-1999
5.   Pa. Lovane A. Althaus – 2000-2006
6.   P. Mário Maass – 2007 – até a presente data.